::

.

[idem]

19/03/2009

. conclusões!


.





" a vida é tão rara" (...)

13 comentários:

  1. O silêncio da solidão mora em meus olhos
    Revela-se na tristeza, retém a palavra amarga
    Tem a nudez de um aguaceiro de Maio
    Uma garganta presa em grades que a voz embarga

    Hoje a Ilha acordou presa ao silêncio
    Os pássaros voaram no chão de barro frio
    Esqueceram-se de subir ao azul
    Lavaram as penas nas águas de um rio


    Convido-te a descansar a alma nas minhas pedras de Ouro


    Mágico beijo

    ResponderExcluir
  2. " a vida é tão rara" [2]
    ..ela é tudo e nada..
    :*

    ResponderExcluir
  3. Por essas e outras que agora tô cuidando mais da minha. rsrr

    Bjos!!!

    ResponderExcluir
  4. Nao consegui abstrair nada... kkk

    ResponderExcluir
  5. as vezes me zango por viver!
    mas é tão bom :D
    eu sou um pato horrível, rs.
    :*

    ResponderExcluir
  6. Que linda a foto moça...=)
    Oiá o barquinnn!;)
    Adoreiii

    ResponderExcluir
  7. concordo.
    ...e tão preciosa também.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir

. "conta para mim, qualquer coisa assim sobre você!"